NO AR!

Madrugada da Nov...

Com Nova Fm

Situação de emergência: Prejuízos causados pela estiagem na agricultura pinhalense já passam de 35 milhões de reais

19 de Novembro de 2020 15:36
0:00 0:00


O município de Pinhalzinho decretou nessa semana situação de emergência em razão das grandes dificuldades e perdas que a agricultura vem somando, em razão da escassez de chuva.

No momento são aproximadamente 15 famílias totalizando 60 pessoas que necessitam de auxílio para abastecimento de água em alguns momentos.

Segundo relatório desenvolvido pela Secretaria de Agricultura, a cidade vem sofrendo com o déficit hídrico desde o mês de junho de 2019.  Fator este que não repõe os níveis nas nascentes e reservatórios ocasionando assim a falta de água tanto para a produção de culturas quanto para a dessedentação de animais.

O Relatório de Perdas do Ano de 2020 apresentado pela Secretaria Municipal de Agricultura prevê percas aproximadas de oitenta por cento para a safra do feijão, cinquenta e cinco por cento para a safra do milho, trinta por cento para a safra de soja, cinquenta por cento para o fumo, cinquenta por cento para a produção de silagem, e trinta por cento para a produção de pastagem, com uma previsão de perca total aproximada de vinte e seis milhões, duzentos e trinta e sete mil e seiscentos reais, se comparado à produção de 2019 para o mesmo período. Já o relatório elaborado pelo técnico da Aurora que trata sobre as Perdas pela Estiagem em 2020 em relação aos Bovinos de Leite, prevê percas aproximadas à um milhão, duzentos e quarenta mil litros de leite, calculados a partir da produção dos últimos três meses. Em seguida, houve a apresentação do Relatório de Percas pela Estiagem na Avicultura em 2020, e na sequencia o Relatório dos Efeitos da Estiagem por produtores de suínos em 2020, ambos elaborados pelos técnicos da Aurora, os quais preveem percas expressivas.

O total de perdas até o momento são de R$36.800.920,00, salientando que essas perdas são estimativas até o início de novembro e que se o índice pluviométrico não voltar as normalidades, a seca provocará percas ainda maiores, tanto economicamente como ambientalmente para os agricultores.

Acompanhe a entrevista com o Secretário de Agricultura de Pinhalzinho, Honorino Dalapossa. 

 

 

 

Fonte: NOVA FM

Recomendar correção

CORREÇÕES

voltar